24/05/2021 07:00:00

Quem pode fazer uma pós-graduação em neurociência

Profissionais de diferentes formações podem fazer uma pós-graduação em neurociência. Descubra se a sua está na lista!

O seu jeito de andar, o que você escolheu comer hoje ou até a forma como você conversa com seus colegas de trabalho. Tudo isso é explicado pela neurociência, campo multidisciplinar que estuda como o sistema nervoso se desenvolve e como se comporta.

Ela tem se mostrado cada vez mais relevante para profissionais de saúde, do marketing, da educação, de gestão de pessoas e de tecnologia, por apresentar soluções para problemas da modernidade.

Para citarmos alguns exemplos, é graças à neurociência que paraplégicos conseguem recuperar os movimentos, por meio da interface homem-máquina. Ela também possibilita diagnósticos e tratamentos mais precisos de doenças e transtornos mentais.

O conhecimento sobre o cérebro humano auxilia professores a desenvolverem técnicas de ensino mais efetivas. Já comunicadores se apoiam no conhecimento científico para entender o comportamento do consumidor, área chamada de neuromarketing.

Quanta coisa, não é mesmo? Isso só é possível por causa da multidisciplinaridade. Por isso profissionais com diferentes formações podem se especializar em neurociência e aplicá-la no seu dia a dia de trabalho.

✉️ Receba de graça uma seleção semanal de artigos sobre neurociência, tecnologia e carreira. É só preencher o formulário abaixo:

A formação de um neurocientista

No Brasil, existem apenas duas graduações específicas em neurociência, na Universidade Federal do ABC (UFABC) e na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio).

Para atuar no campo da neurociência, é preciso fazer uma pós-graduação na área, como uma especialização, um mestrado ou um doutorado.

Geralmente, quem faz uma pós-graduação em neurociência vem dos seguintes campos do conhecimento:

  • Administração
  • Biologia
  • Biomedicina
  • Ciência da computação
  • Comunicação Social
  • Enfermagem
  • Engenharia
  • Farmácia
  • Física
  • Medicina
  • Pedagogia
  • Psicologia
  • Química

Para você ter uma ideia de como a formação de quem trabalha com neurociência realmente é variada, veja os exemplos de alguns dos professores da Pós PUCPR Digital.

Os neurocientistas Miguel Nicolelis e Suzana Herculano-Houzel têm graduação em Medicina e Biologia, respectivamente. Já Martin Lindstrom, referência mundial em neuromarketing, tem um diploma de Publicidade.

Caso o curso que você fez na faculdade não esteja listado acima, não significa que não poderá fazer uma pós-graduação em neurociência. O ideal é, antes de escolher uma especialização, verificar quais conteúdos serão abordados nas disciplinas e se eles fazem sentido para sua vida profissional.

O que você irá aprender em uma pós-graduação em neurociência

A grade curricular de uma especialização em neurociência abrange conhecimentos multidisciplinares e varia de instituição para instituição. Por isso a escolha do curso precisa estar alinhada aos seus objetivos profissionais.

Neste artigo, exploramos outras possibilidades de trabalho para quem faz uma pós-graduação em neurociência.

Na Pós PUCPR Digital, o curso Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness contempla os seguintes módulos:

  1. Neurociência aplicada a negócios;
  2. Psicologia positiva: Inteligência emocional e autoconsciência;
  3. Propósito e realização: Felicidade e busca de sentido;
  4. Alta performance e equilíbrio mental;
  5. Cérebro a nosso favor: Neurociência aplicada à inteligência emocional;
  6. Interfaces homem-máquina: O hibridismo e a neurociência;
  7. Neurociência do cotidiano;
  8. A era da ansiedade: contribuições da neurociência;
  9. Ética: Inteligência moral na era digital;
  10. Felicidade e suas falácias contemporâneas: entre a realização e a ilusão;
  11. Positividade e resiliência humana: anticorpos da mente;
  12. O século da ansiedade, depressão e cansaço: Práticas de saúde emocional;
  13. Detox digital: Likes e curtidas para si mesmo;
  14. Autoconsciência: Valores, virtudes e forças de caráter;
  15. Aprenda a guiar e multiplicar técnicas de mindfulness;
  16. Mindfulness e trabalho: Habilidades psicossociais para o desenvolvimento de carreira com sentido e propósito;
  17. Interioridade e mindfulness;
  18. Mindfulness e regulação emocional;
  19. Humano esvaziado humano: Virtudes urgentes do século XXI.

Ficou interessado e quer começar sua pós-graduação em neurociência? Converse com um de nossos consultores e garanta sua vaga!

Quero fazer a pós em Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness

sobre o autor

Olívia Baldissera

Jornalista, historiadora e analista de conteúdo da Pós PUCPR Digital.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Próximo conteúdo

5 atividades de psicologia positiva comprovadas para melhorar o bem-estar

Profissionais de diferentes formações podem fazer uma pós-graduação em neurociência. Descubra se a sua está na lista!

Tempo de leitura

2 min