12/02/2021 13:50:33

Arquitetura de software: 5 motivos para iniciar sua pós-graduação

Entenda a relação da arquitetura de software com a transformação digital e descubra por que profissionais de TI precisam de uma pós-graduação na área.

A transformação digital nas empresas tem se tornado um processo cada vez mais urgente. Nesse cenário, o arquiteto de software possui um papel importante. Afinal, não é novidade que a tecnologia auxilia na automatização técnica e na redução de algumas barreiras, antes inatingíveis.

Já parou para pensar no impacto das reuniões online para as empresas durante a pandemia? Sem dúvidas, essa facilidade veio para garantir uma melhor comunicação entre os colaboradores e auxiliar as políticas corporativas de prevenção à saúde.

O fato é que, com a transformação digital, as instituições conseguem realizar entregas mais qualificadas, aumentar a fidelização dos clientes e, consequentemente, ter mais lucro. Na verdade, a tecnologia trouxe tantos benefícios (como processuais e analíticos), que é difícil enumerá-los.

Mas, como a Arquitetura de Software é inserida nesse contexto? Preparamos este conteúdo para que você entenda um pouco mais sobre a importância do segmento e por que a especialização pode ser um ponto chave para os profissionais que desejam se destacar na área.

Qual é a relação entre a Arquitetura de Software e a transformação digital?

Hoje em dia é muito difícil pensar em uma empresa que não conte com ferramentas tecnológicas para o seu funcionamento. Um simples email, por exemplo, faz diferença na comunicação corporativa e pode facilitar o entendimento de uma informação importante.

Mas é fundamental que tenhamos uma perspectiva mais abrangente, especialmente porque a transformação digital pode garantir a resistência de um negócio no mercado. Por isso que as grandes instituições estão na corrida pela inovação há um longo tempo, este é um dos principais motivos.

A Apple, considerada a empresa mais inovadora em 2020, é um caso interessante a ser analisado. Foram implementadas várias iniciativas que influenciaram diretamente o hábito das pessoas, inclusive de consumo. A exemplo podemos citar o Apple Pay, que teve um papel importante na popularização de pagamentos por smartphones.

A noção de que a transformação digital é necessária para as empresas é cada vez mais latente e consensual. Isso é fato. Mas, as questões que muitas enfrentam são: qual é a tecnologia ideal para o meu negócio e como ela deve ser aplicada?

A resposta está em uma análise profunda por parte de profissionais especializados, no planejamento estratégico e na correta aplicação de processos. É nesse contexto que a Arquitetura de Software torna-se protagonista, oferecendo softwares funcionais e adequados para atender todo o tipo de demanda; basicamente é uma aliada da transformação digital.

Além de garantir mais segurança nos processos, a Arquitetura de Software trabalha na facilitação de acesso ao usuário, na integração de sistemas e na criação de novas funcionalidades. Outro ponto importante é que ela permite o oferecimento de uma modelagem específica e personalizada para cada empresa, garantindo ainda mais efetividade nas entregas.

Por que fazer uma especialização em Arquitetura de Software?

A resposta para essa pergunta envolve diversos pormenores, mas é sempre importante lembrar que os estudos são fundamentais para quem busca por melhores oportunidades. A qualificação, tanto técnica quanto teórica, surge como um diferencial de mercado e pode ser crucial em processos seletivos, por exemplo.

Como comentamos acima, as empresas estão em busca e necessitam de profissionais preparados, que tenham um conhecimento analítico aprofundado e que saibam aplicar tais estratégias. E a área da Arquitetura de Software, mesmo que bastante frutífera, demanda dedicação e planejamento por parte dos profissionais.

Ainda têm dúvidas sobre a importância da especialização em Arquitetura de Software? Abaixo indicamos 5 motivos que podem lhe ajudar nessa decisão. Confira:

1. Permite o acompanhamento do mercado em expansão

O  mercado é dinâmico e muda constantemente. Com isso, novas tecnologias, conceitos, aplicações e processos vão surgindo, de maneira rápida e intensa. Você já se preparou para essas mudanças?

A especialização pode ajudar muito nesse sentido, indicando quais caminhos seguir e quais conhecimentos devem ser reforçados. O estudo também ajuda na preparação do profissional para as alterações do mercado, dando mais segurança nas tomadas de decisões. 

2. Atende a alta demanda por profissionais qualificados

É muito comum ouvir de gestores e recrutadores que é difícil encontrar profissionais qualificados no mercado. E, de fato, existem algumas habilidades e conhecimentos que não são tão populares.

A área da Arquitetura de Software é bastante ampla, mas o desenvolvimento de habilidades é fundamental. Como reflexo, o profissional que possui uma especialização consegue atender perfeitamente às demandas das empresas, tendo mais liberdade para escolher em qual delas atuar.

3. Possibilita uma remuneração mais atrativa

As especializações podem impactar no salário do profissional, garantindo um aumento considerável. Uma pesquisa realizada pela Catho, por exemplo, indica que profissionais com pós-graduação podem ter um aumento em até 53% de remuneração e um retorno ainda maior, à medida que apresentam outras qualificações.

Além disso, as especializações reforçam a autoridade do profissional. Permite que tenham ainda mais acesso aos cargos de gestão e decisão nas empresas.

4. Faz com que a concorrência seja ainda menor

A competitividade é basicamente inerente ao mercado de trabalho, afinal existem inúmeros profissionais que buscam pelas mesmas oportunidades. Porém, a especialização afunila esse processo, deixando para trás aqueles candidatos que não possuem os mesmos conhecimentos que você.

Muitas vagas possuem exigências específicas e as especializações ajudam a atendê-las. Além disso, fazem com que o profissional tenha um perfil ainda mais multidisciplinar, que consegue se adaptar às diferentes empresas e situações.

5. Fortalece a sua diferenciação no mercado de trabalho

Por fim, como resultado de todos os aspectos citados acima, a especialização ainda faz com que o profissional tenha destaque no mercado de trabalho. Afinal, os estudos melhoram vários pontos: seja na comunicação, no fortalecimento da rede de contatos ou no estímulo à criatividade.

Como você pôde perceber, as empresas demandam cada vez mais profissionais qualificados e a especialização é um ponto importante. O mercado de Arquitetura de Software é dinâmico e o aperfeiçoamento deve ser constante, principalmente por causa das atualizações e novos processos que surgem a todo momento.

Esperamos que tenha gostado do nosso conteúdo! Agora que entendeu a importância da especialização, não perca a oportunidade de fazer a pós-graduação em Arquitetura de Software, Ciência de Dados e Cybersecurity da Pós PUCPR Digital.

Com ela você conseguirá desenvolver sua capacidade de construir sistemas e terá mais facilidade em criar soluções inovadoras.

Quero fazer a pós em Arquitetura de Software, Ciência de Dados e Cybersecurity

sobre o autor

Bruna Giroldo

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Próximo conteúdo

Especialização na área da saúde: quando vale a pena uma pós-graduação?

Entenda a relação da arquitetura de software com a transformação digital e descubra por que profissionais de TI precisam de uma pós-graduação na área.

Tempo de leitura

3 min