Skip to content

Tecnologia

Gamificação: um mercado de oportunidades para profissionais de TI

Por Bruna Giroldo   | 

Foi-se a época em que o profissional de TI seguia um estereótipo e tinha poucas opções dentro da especialização na carreira. Hoje, muitas frentes estão de portas abertas e precisam de especialistas qualificados o mais rápido possível.

Uma dessas áreas em expansão é a de gamificação, sobretudo a empresarial. Gamificação (ou gamification, do original em inglês) é o termo utilizado para falar do uso das dinâmicas e mecanismos presentes nos jogos, principalmente com o uso de novas tecnologias, para estimular o aprendizado, motivar comportamentos, guiar entre etapas e fornecer sensações de recompensa.

Continue a leitura do conteúdo que preparamos para entender como a gamificação se aplica a diferentes demandas e quais são as principais oportunidades no mercado de gamificação para profissionais de TI.

Alavanque sua carreira com os cursos da Pós PUCPR Digital!

Gamificação nas empresas

A gamificação vem ganhando espaço nas empresas e, principalmente, com os setores de Recursos Humanos e Desenvolvimento de Pessoas. Isso porque, como citamos, ela é uma ferramenta atual muito útil, tanto para fases de seleção de talentos, como no treinamento e motivação dos colaboradores que já fazem parte das empresas.

Destacamos algumas situações em que a gamificação pode ser utilizada no contexto empresarial:

  1. Como recurso para diferentes fases de processos seletivos, sejam eles remotos ou presenciais;
  2. Para treinamentos de novas ferramentas, mudanças de sistemas ou para desenvolver habilidades necessárias nos colaboradores;
  3. Em integrações para novos colaboradores ou entre os times;
  4. Em simulações de situações reais que ofereceriam riscos para colaboradores menos experientes, como manuseio de máquinas em uma fábrica, por exemplo;
  5. Em convenções de vendas e em reuniões de planejamento;
  6. Como preparação para um colaborador assumir um novo posto de trabalho.

Empresas renomadas já têm apostado na gamificação como a solução para os mais diversos tipos de desafios. Falamos mais sobre alguns desses casos, como os usos em empresas como Gerdau, Microsoft, Santander, Deloitte e até no exército dos Estados Unidos neste outro post aqui do blog.

Gamificação na educação

A educação é outro setor que explora a gamificação e que demonstra o crescimento da importância dessa nova ferramenta.

Nas escolas e faculdades, os recursos presentes nos jogos assumem outro papel e contexto, com uma vantagem principal: a facilitação do aprendizado. Mas esse não é o único benefício da gamificação quando aplicada ao ensino de diferentes matérias e para diferentes faixas-etárias:

  1. Jogos fazem parte da rotina e do despertar do interesse de crianças, adolescentes e adultos;
  2. A gamificação estimula a interação e a cooperação entre os alunos;
  3. Incentiva o desenvolvimento de habilidades como criatividade, autonomia, superação e resolução de problemas;
  4. Proporciona aulas mais dinâmicas e interessantes;
  5. Associa o aprendizado a um momento mais lúdico e relaxante;
  6. A retenção do conteúdo é facilitada.

A gamificação pode ser aplicada dentro e fora da sala de aula. Já é explorada por grandes centros de aprendizado, principalmente agora com o aumento das atividades realizadas na modalidade educação a distância.

Gamificação no marketing

As empresas já entenderam que a gamificação funciona muito bem com o público interno. E, se essa ferramenta também pode auxiliar a estimular comportamentos, por que não explorá-la também no desenvolvimento de estratégias, ações, interação e envolvimento com o público externo?

Com a necessidade de gerar engajamento e fidelidade com o público, a gamificação é uma ferramenta muito interessante também para os setores de Comunicação e Marketing das empresas. Muitas delas desenvolvem aplicativos próprios, que utilizam recursos dos games (como desafios, pontuação, ranking, superação e recompensas) para estimular o consumo.

No nosso post que já citamos anteriormente, nós te contamos como nomes gigantes como Starbucks e Nike estão aproveitando a onda da gamificação para criar senso de comunidade, trabalhar a imagem das marcas e criar conexões ainda mais fortes com os consumidores.

Confira todos os detalhes dessas estratégias no artigo “7 exemplos de gamificação aplicada nas grandes empresas”.

Tendências de gamificação

Como já comentamos, a gamificação é um mercado em ampla expansão.

Segundo pesquisa do ReportLinker, esse mercado mobilizou quase 7 bilhões de dólares apenas em 2018. A previsão, ainda de acordo com a pesquisa publicada, é de que aconteça nos próximos anos um crescimento expressivo dessa área, que chegará a movimentar cerca de 40 bilhões de dólares até 2024.

A democratização da internet e a tecnologia cada vez mais presente no nosso dia a dia são dois dos fatores que estimulam esse crescimento nos últimos anos.

Oportunidades para profissionais de TI

Com o crescimento por demanda e o investimento na área de gamificação, seja na frente de educação, seja na frente empresarial para os públicos internos e externos, cresce também a necessidade de contar com profissionais qualificados para trabalhar na área e desenvolver as estratégias de gamificação aplicadas.

Aqui, na Pós PUCPR Digital, oferecemos um curso de especialização para quem quer se aprofundar na área: Comunicação Digital, Branding e Storytelling.

As aulas são 100% online e ministradas por professores com experiência no mercado.

Inscreva-se no curso Comunicação Digital, Branding e Storytelling da Pós PUCPR Digital.

Sobre o autor

Bruna Giroldo

Bruna Giroldo

Analista de marketing de conteúdo da Pós PUCPR Digital. Escritora e entusiasta da educação digital e do futuro do trabalho.

Assine nossa newsletter e fique por dentro do nosso conteúdo.