05/07/2021 07:00:00

Por que uma pós-graduação em mindfulness tornará você um profissional melhor

Produtividade, melhor desempenho e autoconhecimento. Estes são apenas alguns benefícios da pós-graduação em mindfulness. Conheça todos neste artigo!

Em um mundo hiperconectado, quem consegue manter o foco sai na frente dos concorrentes no mercado de trabalho. Alcançar a produtividade, desenvolver a inteligência emocional e ainda cuidar de si são o grande desafio do profissional de futuro, que tem no mindfulness um grande aliado.

O mindfulness é um estado mental caracterizado pela atenção plena nas atividades que estão sendo realizadas. Todos os sentidos são acionados para experienciar o momento presente de forma intencional e consciente. Ele pode ser alcançado por toda pessoa, desde que ela se dedique ao treinamento.

A prática é comprovada pela neurociência e se tornou um campo de pesquisa estabelecido na academia. Para você ter uma ideia, uma rápida pesquisa pelo termo “mindfulness” no Web of Science mostra que já foram publicados mais de 18 mil artigos científicos entre 1987 e 2021 sobre o assunto, em periódicos revisados por pares nas áreas de Psicologia, Medicina e Enfermagem.

Cientistas estudam os benefícios do mindfulness para a saúde mental há décadas. Entre as principais descobertas, estão a redução da ansiedade e do estresse, o aumento da capacidade de concentração e o atraso do envelhecimento do cérebro.

Conheça outros benefícios do mindfulness para sua vida pessoal e profissional.

O estado de atenção plena também melhora o desempenho no trabalho, por isso muitos profissionais incluem a prática em suas rotinas. Durante treinamentos e entrevistas realizadas em organizações, a neurocientista Tara Stwart percebeu que líderes considerados bem sucedidos mantêm uma rotina de práticas de mindfulness pela manhã.

Ficou interessado em incluir o mindfulness na sua vida profissional? Neste artigo, você conhecerá os benefícios da atenção plena no ambiente de trabalho e como se especializar para promover a prática, seja entre sua equipe ou, se você atua na área da saúde, entre seus pacientes.

Benefícios do mindfulness no trabalho

Organizações dos mais diferentes segmentos, como Ambev, Bayer e Google, iniciaram programas de mindfulness entre seus colaboradores. O resultado foi uma equipe que se adapta melhor a transições dentro da empresa, cuida da sua inteligência emocional e ainda apresenta um menor índice de faltas no trabalho.

Em artigo científico de 2015, neurocientistas fizeram uma revisão bibliográfica de pesquisas sobre os benefícios do mindfulness no trabalho. Conheça os principais deles:

  • Estabilidade na concentração;
  • Aumento da capacidade cognitiva;
  • Capacidade de auto-observação;
  • Autoconhecimento;
  • Resiliência;
  • Adaptabilidade;
  • Autoconfiança ou segurança psicológica;
  • Desenvolvimento de comunicação empática;
  • Aprimoramento na habilidade de mediar conflitos;
  • Melhora nas relações interpessoais;
  • Melhora no desempenho;
  • Desenvolvimento de liderança colaborativa;
  • Senso de propósito profissional.

Um exemplo prático dos benefícios do mindfulness no trabalho está relacionado aos profissionais de saúde. Além de conseguirem lidar com a alta pressão e responsabilidade do dia a dia de uma clínica ou hospital, eles ainda podem ajudar os próprios pacientes com as técnicas de atenção plena.

Se no seu local de trabalho não há um projeto neste sentido, você mesmo pode promover o mindfulness. Para isso, é necessário aprender com profissionais da área.

A diferença entre prática, curso e pós-graduação em mindfulness

Para se alcançar o estado mental de atenção plena, é preciso treinamento e constância, assim como uma atividade física como a corrida ou o futebol.

O treino de mindfulness é composto por várias técnicas ou práticas. A meditação baseada em exercícios atencionais, por exemplo, é a mais utilizada. Lembre-se de que nem toda técnica de meditação pode ser usada para desenvolver a atenção plena.

Já um programa de treinamento ou curso de mindfulness vai além das técnicas. Ele inclui momentos de reflexão e aulas teóricas que ajudam os estudantes a serem mais conscientes em relação ao estresse do dia a dia.

Geralmente, os cursos de mindfulness têm duração de 8 semanas, porém existem dezenas de programas e protocolos, voltados para diferentes áreas como saúde, educação e ambiente corporativo.

Por fim, uma pós-graduação em mindfulness permite ao profissional guiar e multiplicar técnicas de atenção plena em grupos, reforçando aspectos de saúde, educação e carreira. A especialização também auxilia o estudante a aprimorar as próprias habilidades socioemocionais.

Se você quer aprofundar ainda mais seus conhecimentos sobre mindfulness, conheça o curso Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness da Pós PUCPR Digital! As aulas são 100% online e em primeira pessoa, com aulas ministradas por professores referência como:

  • Daniela Sopezki, psicóloga especialista em mindfulness e doutora em Saúde Coletiva pela Escola Paulista de Medicina, na Unifesp.
  • Rodrigo Siqueira, PhD em psicossociologia pelo instituto de psicologia da UFRJ. Já conduziu programas de mindfulness em grandes empresas como Google, Petrobrás e outras.
  • Shauna Shapira, professora da Santa Clara University, autora best-seller e expert reconhecida nas áreas de mindfulness e compaixão.

A pós-graduação em mindfulness é voltada para profissionais de todas as áreas interessados em autoconhecimento e desenvolvimento de inteligência emocional. Faça sua matrícula e garanta sua vaga para a próxima turma.

Quero fazer a pós em Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness

sobre o autor

Olívia Baldissera

Jornalista, historiadora e analista de conteúdo da Pós PUCPR Digital.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

Próximo conteúdo

O que é mindfulness e por que você deveria praticar ainda hoje

Produtividade, melhor desempenho e autoconhecimento. Estes são apenas alguns benefícios da pós-graduação em mindfulness. Conheça todos neste artigo!

Tempo de leitura

3 min